MOVIMENTAÇÃO BRF MINEIROS JTI 21 03 2017

0
47

E A NOSSA EQUIPE ACOMPANHOU ONTEM A MOVIMENTAÇÃO DA UNIDADE DE UM DOS FRIGORÍFICOS CITADO NA OPERAÇÃO CARNE FRACA EM MINEIROS// A UNIDADE ESTÁ COM AS ATIVIDADES SUSPENSAS DEPOIS DE DENUNCIAS DE QUE A FÁBRICA/ ESTAVA CONTAMINADA COM A BACTÉRIA SALMONELA/ UMA INSPEÇÃO FOI REALIZADA ONTEM PELO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA NOS 21 FRIGORÍFICOS INVESTIGADOS NA OPERAÇÃO CARNE FRACA DA POLICIA FEDERAL//LÁ EM MINEIROS/A ORDEM QUE OS MOTORISTAS DE CAMINHÃO RECEBERAM/FOI A DE NÃO FALAR COM A IMPRENSA//

NOTA:

OLHA E A UNIDADE DA EMPRESA EM MINEIROS/ QUE É CITADA NA OPERAÇÃO/EMITIU UMA NOTA EM QUE DIZ QUE:
O FRIGORÍFICO REITERA QUE TODAS AS MEDIDAS TOMADAS PELA EMPRESA E SEUS TÉCNICOS/ ESTÃO PLENAMENTE DE ACORDO COM OS MAIS ELEVADOS NÍVEIS DE GOVERNANÇA E QUE DE FORMA NENHUMA/ FEREM QUALQUER PRECEITO ÉTICO OU LEGAL DO BRASIL E DOS PAÍSES PARA OS QUAIS EXPORTA SEUS PRODUTOS//
=
SOBRE O USO DE PAPELÃO:
A EMPRESA AFIRMA CATEGORICAMENTE QUE/NÃO HÁ PAPELÃO ALGUM NOS PRODUTOS DA MARCA//. SEGUNDO A ASSESSORIA DO FRIGORÍFICO/HOUVE UM GRANDE MAL ENTENDIDO NA INTERPRETAÇÃO DO ÁUDIO CAPTURADO PELA POLÍCIA FEDERAL. O FUNCIONÁRIO EM QUESTÃO NO ÁUDIO/ESTAVA SE REFERINDO ÀS EMBALAGENS DO PRODUTO E NÃO AO SEU CONTEÚDO//
=
NOTÍCIAS SOBRE “CARNE PODRE”:
A EMPRESA AFIRMA QUE NUNCA COMERCIALIZOU CARNE PODRE E NEM NUNCA FOI ACUSADA DISSO// AS MENÇÕES A PRODUTOS FORA DE ESPECIFICAÇÃO/ NO ÂMBITO DA OPERAÇÃO CARNE FRACA/ DIZEM RESPEITO A OUTRAS EMPRESAS/ COMO PODE SER COMPROVADO NO MATERIAL DIVULGADO PELA POLÍCIA FEDERAL//. A EMPRESA FINALIZA AINDA DIZENDO QUE LAMENTA QUE PARTE DA IMPRENSA/ TENHA INSERIDO O SEU NOME DE MANEIRA EQUIVOCADA EM REPORTAGENS QUE TRATAM DESSE ASSUNTO/ CONFUNDINDO OS CONSUMIDORES E A SOCIEDADE//