Líderes mundiais criticam decreto anti-imigração

0
60

O mundo reagiu ao decreto do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que proíbe por 90 dias a entrada em seu país, de refugiados sírios e cidadãos de sete países de maioria muçulmana. A Chanceler alemã, Angela Merkel e o Secretário-geral das Nações Unidas, António Gutérres, são alguns dos líderes mundiais que criticaram o decreto anti-imigração.