Fábrica em Sorocaba (SP) transforma lixo eletrônico em matéria-prima de impressora 3D

0
10

A ONU estima que este ano o mundo vai produzir 50 milhões de toneladas de lixo eletrônico, por isso, reciclar é fundamental. Uma fábrica no interior de São Paulo transforma esse lixo eletrônico no fio de plástico que é matéria prima das impressões 3D.